SAÚDE

08/06/18 - Reforma do Pronto-Socorro entra na segunda fase
08/06/2018 - 12h15

 

Obras foram finalizadas no pavimento superior e chegarão ao térreo na próxima semana. Prefeitura pede compreensão e paciência da população

 

Em breve, Pindamonhangaba terá um Pronto-Socorro reformado, com ampliação de serviços, adequado e mais organizado para um atendimento humanizado, com segurança e respeito à população. As obras de reforma, que tiveram início em 2017, tiveram sua primeira fase finalizada no andar superior e agora, na próxima semana, seguem para a parte da frente do térreo. Haverá, ainda, uma terceira fase da obra, que será a reforma da parte de trás do prédio.

Durante as obras, a Prefeitura pede a compreensão e paciência das pessoas que utilizam os serviços do Pronto-Socorro, pois haverá certo transtorno temporário. Procurando causar o menor desconforto possível para a população neste novo período de obras, a Secretaria de Saúde da Prefeitura está organizando uma área de recepção dos pacientes na lateral do prédio, onde atualmente está o ambulatório de ortopedia.

Os atendimentos passarão a ser realizados no andar superior, com subida pela rampa. Permanecem funcionando no térreo, mesmo durante as obras, o Raio-X, a emergência e os leitos de observação. Haverá, ainda, no térreo, um consultório para pacientes com mobilidade reduzida. Os demais atendimentos passarão a ser realizados no andar superior.

"Pedimos a compreensão e parceria da população neste novo momento das obras. Estamos cientes que haverá um certo conflito mas será temporário, para que a reforma seja finalizada e o resultado final seja uma saúde mais humanizada para nossa cidade", destacou o prefeito Isael Domingues.

Reforma e adequação

Todo o prédio do Pronto-Socorro será reformado e terá seus ambientes internos readequados. A obra é resultado de convênio firmado entre a Secretaria de Saúde do Estado e a Prefeitura de Pindamonhangaba, em um investimento total de R$ 1.919.027,36, somando-se a contrapartida da Prefeitura.

De acordo com informações da secretária de Infraestrutura e Planejamento da Prefeitura, Marcela Franco, a maior preocupação da administração municipal é que o andamento da obra não prejudique o atendimento do Pronto-Socorro. "Optamos por realizar a obra por etapas, de forma que cause o menor impacto possível na segurança e na saúde dos pacientes", explicou. "O bem-estar do usuário do Pronto-Socorro é nosso foco durante todo o andamento das obras", garantiu a secretária.

Segundo o prefeito Isael Domingues a reforma do Pronto-Socorro é uma necessidade e reivindicação de muitos anos da população. "Ao final da obra, teremos o dobro do espaço de atendimento do PS. Serão dois andares, elevadores, e ainda uma ala exclusiva para atender as crianças, entre tantas outras melhorias", adiantou o prefeito.

Outras Matérias
Adote Adote

ACESSO RÁPIDO