EDUCAÇÃO

07/06/18 - Secretaria de Educação realiza reunião sobre projeto-piloto de contraturno escolar
07/06/2018 - 16h40

 

Na última quarta-feira (6), a Secretaria de Educação e Cultura da Prefeitura promoveu uma reunião para as professoras das unidades que receberão o projeto-piloto de contraturno escolar. O objetivo do projeto é iniciar progressivamente a oferta de vagas de educação em tempo integral nas escolas municipais com atividades de reforço escolar de português e matemática e oficinas culturais, fora do horário regular das aulas, visando o desenvolvimento das crianças.

O projeto é resultado de um chamamento público feito pela Secretaria de Educação para o atendimento de mais de 1000 crianças matriculadas na rede municipal, que contou com a participação de várias organizações sociais, selecionadas a partir dos critérios dispostos pela Lei Federal 13019/2014.

“Na reunião de hoje, demos a elas as principais orientações para que ao longo da próxima semana as escolas possam se organizar com a inscrição das crianças e convocar os pais dos alunos para uma reunião de orientação”, explicou o secretário de Educação, professor Júlio Valle.

O serviço de contraturno poderá ter carga horária de 15 horas ou 6 horas para cada aluno, distribuídas ao longo da semana, podendo ser entre o ‘Reforço Escolar’ ou ‘Oficinas Culturais’. O atendimento prioritário será de alunos do 3° ao 5° ano, porém havendo disponibilidade de vagas, os alunos do 1° e 2° ano também poderão ser atendidos, obedecendo os critérios de seleção.

 As atividades terão início no dia 18 de junho e as escolas municipais que serão contempladas com o projeto-piloto de reforço escolar serão: Bem Viver; Regina Célia; Alexandre Machado; Elias Bargis; Padre Zezinho; Seu Juquinha; Lauro Vicente; Felix Adib; e Abdias Junior. Já as escolas que disponibilizarão as oficinas culturais serão: Bem Viver; Vito Ardito; Gilda Piorini; Julieta Reale; Franco Montoro; Dulce Pedrosa; e Augusto César.

“Pela primeira vez na história da educação em nossa cidade teremos um projeto-piloto dessa envergadura, com vagas abertas em escolas de diversos bairros da cidade para assegurar uma boa avaliação, que garanta a ampliação e o aprofundamento das atividades para mais escolas”, ressaltou o secretário.

Outras Matérias
Adote Adote

ACESSO RÁPIDO