EDUCAÇÃO

20/12/17 - Escolas municipais de Pinda contam com lousas digitais e Wi-fi
20/12/2017 - 17h26

O ano letivo de 2018 terá início com uma grande melhoria nas unidades de ensino municipais: além das obras de manutenção geral, todas as escolas e Cmeis (centros municipais de ensino infantil, nova nomenclatura das antigas creches), terão Wi-fi, e todas as escolas de ensino fundamental terão lousas digitais, em todas as classes.

A instalação de 55 lousas digitais está sendo finalizada, já na fase de testes pela equipe de TI da Prefeitura. A melhoria vai colaborar para o ensino das crianças e dar melhores condições para que os professores possam transmitir conteúdos, usando a tecnologia como apoio e  motivando mais os alunos.

De acordo com informações do diretor de TI da Prefeitura, Caio Malheiros, a lousa digital é uma ferramenta tecnológica para auxiliar professores na sala de aula, permitindo utilizar conteúdos pedagógicos trazidos diretamente da Internet, por isso a necessidade do Wi-fi. "Antes, existiam algumas salas com lousas digitais - agora ampliadas - mas os professores não conseguiam usar a plenitude de possibilidades das lousas, pois não contavam com internet, tinham que salvar seus conteúdos em pendrives, por exemplo", explicou o diretor. "O software que vem com a lousa permite o uso da interatividade em sala de aula. As lousas são, inclusive, touch screem, e os professores podem operá-las como se estivessem operando um tablet, por exemplo", lembrou.

As lousas são panorâmicas e a parte digital é a central, tendo duas laterais como quadros brancos. Preso à parede acima, está o projetor e todas as lousas vêm com um notebook. Os treinamentos com os professores já foram iniciados.

O investimento da Prefeitura nessas melhorias é em torno de R$ 2,5 milhões, sendo cerca de R$1,5 mi na aquisição das lousas, projetores e notebooks que as acompanham, e cerca de R$1 mi no Wi-fi.

O diretor de TI lembra ainda que algumas escolas municipais contam com salas de aula com dimensões menores que as necessárias para a lousa padrão e, para elas, será adquirido um novo modelo de lousa, adaptado ao tamanho necessário. Por isso, nesses casos, a instalação será realizada ainda nos próximos meses.

De acordo com o secretário de Educação e Cultura, professor Júlio Valle, as lousas digitais são um reforço para o ensino em sala de aula, aproximando as aulas da realidade das crianças, que já estão acostumadas ao mundo tecnológico. "A tecnologia, hoje, em sala de aula, amplia as possibilidades do professor e da professora que se utilizam desse instrumento para motivar e mobilizar as crianças em novas situações de ensino-aprendizagem. Esse passo sublinha a importância de construirmos cada vez mais uma cidade humanizada e inteligente, como tem enfatizado nosso prefeito. Esse projeto de uma educação mais acolhedora e ao mesmo tempo mais próxima das novas tecnologias permite às crianças exatamente isso, nesse conceito de cidade", avaliou o secretário.

 

Outras Matérias
Adote Adote

ACESSO RÁPIDO