EDUCAÇÃO

09/10/17 - Ciclo formativo promove discussão sobre diversidade sexual na escola
09/10/2017 - 17h36

  

O auditório da Prefeitura de Pindamonhangaba recebeu, na tarde de terça-feira (3), uma discussão com o tema “Os desafios da diversidade sexual na escola”. A reflexão faz parte do Ciclo Formativo em comemoração ao mês da educação.

A discussão teve a participação do Grupo PSI, um grupo formado durante a Semana da Psicologia. Eles auxiliaram os educadores na reflexão do assunto que atualmente está sendo muito discutido na sociedade, porém com foco nas escolas.

“Essas questões estão presentes a todo o momento, em todos os lugares, inclusive dentro das salas de aula. É importante problematizar, fazer com que todos reflitam e pensem a respeito para desconstruir o preconceito. A escola deve ser um ambiente acolhedor e seguro, por isso é necessário respeitar a diversidade sexual”, comenta a diretora Pedagógica Luciana de Oliveira Ferreira.

Com o auxílio dos psicólogos, as professoras presentes puderam aprender mais sobre gênero e orientação sexual. “Aprendi muito nessas poucas horas de forma prazerosa, dinâmica e acolhedora, pois nos deixaram a vontade para exprimir nossas dúvidas, angústias e experiências sobre o tema, além de dar o suporte técnico necessário para a intervenção em sala de aula. Espero ansiosamente que ampliem este momento de conhecimento e diálogo nas escolas”, comentou a professora Márcia Duque dos Santos.

A gestora Marta Bicho conta que o assunto deve ter mais visibilidade e ser discutido para que todos compreendam melhor. "Em nosso país há preconceito e tabu a temas como este, proposto pelo grupo. É justamente por isso que é preciso que se abram canais de comunicação para que possamos, ao ampliar nosso conhecimento, colaborar para que o assunto seja tratado de forma natural, prevalecendo o respeito às diferenças em geral. Há um longo caminho a percorrer pois mexe também com crenças pessoais, mas já iniciamos”.

“O ciclo formativo é a maneira que encontramos de envolver os educadores e as educadoras de nossa cidade em debates relevantes para a agenda educacional não somente no Brasil, mas internacionalmente. Para isso convidamos formadores próximos e distantes, todos de indiscutível notoriedade em nosso campo, para contribuir com a formação pedagógica de nossa rede. Afinal, tornarmo-nos um município referência na formação permanente de professoras e de professores tem sido um dos compromissos dessa gestão”, explica o secretário de Educação, professor Júlio Valle.

O ciclo formativo irá continuar durante todo o mês de outubro tratando de assuntos pertinentes para a sociedade e para os educadores. O próximo será nesta terça-feira (10), às 18h30, no Auditório da FABAD com o tema “Escola como local seguro: Trabalhando com o pensar, o sentir e o querer”.

 

 

Outras Matérias
Adote Adote

ACESSO RÁPIDO