Pindamonhangaba realiza Carnaval Solidário
19/01/2017 - 12h15

Instituições terão espaço para comercialização e alimentos serão arrecadados durante a Festa deste ano
 
 
 
Em Pindamonhangaba, o Carnaval 2017 será o Carnaval Solidário. Várias ações sociais serão realizadas durante a programação, para beneficiar as instituições filantrópicas da cidade.
 
O primeiro evento do Carnaval Solidário será o Festival de Marchinhas, de 17 a 19 de fevereiro, no Largo do Quartel, em que a Prefeitura está disponibilizando quatro vagas para as instituições beneficentes que desejarem comercializar alimentos, bebidas diversas e adereços. Essas mesmas quatro vagas estarão disponíveis durante as matinês, que também serão realizadas no Largo do Quartel. As instituições estarão isentas de taxas de cobrança.
 
Além deste espaço para comercialização, a Prefeitura está ainda em parceria com os blocos da cidade, para a arrecadação de alimentos. Na noite de quarta-feira (18), foi realizada uma reunião com os representantes dos 10 blocos que participarão do carnaval deste ano, para fechar a programação dos desfiles e apresentar a proposta de solidariedade. Alguns blocos já realizam ações em prol de instituições e de seus bairros, e os demais se prontificaram a colaborar na arrecadação dos alimentos junto aos seus participantes.   
 
Somada à parceria com os blocos de Pindamonhangaba, o Juca Teles também é parceiro do Carnaval Solidário. O bloco luizense, atração da tarde de sábado de Carnaval de Pinda e que arrasta multidões pelas ruas centrais da cidade, terá seu idealizador Benito como um dos porta-vozes do Carnaval Solidário.
 
Haverá, ainda postos de arrecadação de alimentos na concentração tanto do Juca Teles quanto do Barbosa, que fará o Pré-Carnaval dia 18, em Moreira César. Todos os alimentos arrecadados serão encaminhados para o Fundo Social de Solidariedade, responsável pela destinação às instituições cadastradas.
 
Com essas ações, o folião de Pindamonhangaba tem a oportunidade de brincar o carnaval e ainda ajudar a quem mais precisa.
 
Redução de custos
 
Em ano de crise econômica, o ideal é reduzir custos. Pindamonhangaba segue nesta linha, realizando o Carnaval de maneira mais enxuta e com foco direcionado para a diversão e segurança das famílias. Com ações simples, mas que não tiram o brilho da festa de Momo, a Prefeitura de Pindamonhangaba está reduzindo os custos com o Carnaval em aproximadamente 50%.
 
Esse feito foi possível graças a diminuição de cinco para quatro dias de programação e eventos que terão seu horário de término mais cedo, seguindo orientação da Polícia Militar para a segurança de todos os foliões.

 

Outras Matérias
Adote Adote

ACESSO RÁPIDO